Além de figura pública, político, jurista e escritor, o Presidente Honorário do PS era também um Amigo do Centro Cirúrgico de Coimbra, desde o primeiro dia. Foi ele que inaugurou as nossas instalações no dia 4 de julho de 1999 e, oito anos depois, também quis estar presente na inauguração do nosso segundo edifício.

António de Almeida Santos foi um Amigo dedicado. Preocupava-se, queria estar presente, interessava-se. Foi isso mesmo que sempre nos manifestou, como no último encontro que tivemos este domingo…

Não foi só o Centro Cirúrgico, Coimbra também perdeu um grande Amigo.

Os Amigos não se homenageiam, Lembram-se. É isso que fazemos agora, no momento da sua morte.

António Travassos

 

 

Leave a reply