Não é de hoje, sempre o dissemos e, volta e meia, somos coagidos a lembrar o que defendemos. Admitimos que, para quem anda distraído, até pode parecer confuso, quando na verdade é tudo muito claro. O Serviço Nacional de Saúde (SNS) deve ser sempre a trave mestra e o motor de todo e qualquer sistema de saúde que se pretenda instalar em Portugal. Quem pensar o contrário e queira apagar este trajeto, terá de assumir o equívoco.

O Centro Hospitalar e Universitário de Coimbra (CHUC) será perpetuamente o “nosso” hospital e o Serviço de ORL será sempre um Centro de Referência, seja para Implantes Cocleares, seja para implantes auditivos osteointegrados, seja para tratar uma otite do cidadão X que recorre aos cuidados que o SNS proporciona a todos os portugueses.

Confiamos em quem ali trabalha e acreditamos nos destinos que estão a ser dados à Otorrinolaringologia de Coimbra.

Vem esta confissão a propósito de interesses submersos e pouco claros que insistem em desfazer o que o capital humano tem construído e cimentado com a assinatura CHUC.

Nunca nos servimos. Estamos vocacionados para trabalhar. Somos uma unidade de saúde privada, é verdade, mas não queremos nem podemos substituir o CHUC. Somos tão só o Centro Cirúrgico de Coimbra.

Leave a reply