Não vamos contar a história, tão só porque é nossa e fomos nós que a construímos, mas também porque não queremos comemorar com honras ao passado (que o merece), mas sim, com brindes ao futuro, que sempre nos estimulou.

Para nós, a medicina preditiva não nasceu hoje, praticamo-la desde o início, tal como as novas tecnologias não são uma descoberta recente, sempre investimos nelas. E, como não podia deixar de ser, a chamada inteligência artificial acaba por ser mais uma sequência lógica que acrescentamos ao caminho que temos vindo a seguir. Não é para temer, é para tirar o ganho que daí pode advir para a melhor saúde. Construir o futuro tem sido uma tarefa do nosso quotidiano.

Num tempo em que podemos ser quase tudo, escolhemos construir o Centro Cirúrgico de Coimbra.

Fazer bem dá trabalho.

Leave a reply